sábado, 14 de agosto de 2010

Concurso de poesias do Clélia Nanci revela talentos


Por Fatima Rocha

Fotos: Cris Torres


O Instituto de Educação Clélia Nanci, de São Gonçalo, promoveu nesta quinta-feira, 12/08, o seu I Concurso de Poesias Mariza Caria Ribeiro. O encontro contou com a presença da subsecretária de Comunicação e Projetos, Delânia Cavalcante, e teve como homenageado o poeta João Cabral de Melo Neto. Os estudantes lotaram o auditório e aplaudiram a apresentação dos colegas. O evento mostrou uma escola orgulhosa de sua história na formação de jovens professores.

As treze poesias finalistas foram apresentadas ao júri entre performances do grupo de teatro do colégio – que encenou passagens de Morte e Vida Severina, peça de autoria do poeta homenageado – e também do grupo Corujão da Poesia, muito aplaudido pelos estudantes. Vídeos com depoimentos de Chico Buarque e Luiz Fernando Veríssimo, entre outros, contaram algumas histórias sobre João Cabral.


O concurso premiou a melhor poesia e melhor intérprete. Houve empate para o primeiro lugar de Melhor Poesia, e o júri elegeu dois vencedores: Marlene Pinheiro, com a poesia Metade, e Renan Silva, com Amor de Primavera.


Marlene Pinheiro, aluna do 4º ano, revelou a alegria dessa vitória e falou sobre a poesia no aprendizado dos seus futuros alunos.

- Acho que poesia é uma das formas de se trabalhar o texto com as crianças. Foi muito bom participar do concurso. Fiquei emocionada.

Renan Silva tem 17 anos e cursa o 3º ano. Ele ganhou com “Amor de Primavera” e contou que escreve poesias desde os oito anos, sempre incentivado pelos pais.


- Essa poesia foi dedicada a uma grande amiga. Foi uma realização ganhar esse prêmio.

O prêmio de Melhor Intérprete foi para Alice Amado, com a sua poesia E Agora, Brasil? Alice está no último ano e revela que sempre gostou de política.


- Achei que valia usar a poesia para falar desse tema. Fiquei muito feliz em participar.

Os vencedores receberam livros do poeta João Cabral e um curso de informática. Foram sorteados CDs e DVDs durante o evento.

Também concorreram Beatriz Pereira, Bruno Targine, Caroline Silva, Gabriel Lino, Jhenifer Santos, Laís Souza Pereira, Luana Fernandes, Nilzete Nellon, Suelen dos Santos,Tayne Araujo, Ronnie Ruan Pereira e Wiliam Rocha.

A subsecretária Delânia Cavalcante mostrou-se encantada com a criatividade e talento dos alunos que, tão jovens, já fazem poesia “como gente grande”.


- É ímpar o que vimos nessas apresentações. A escola conseguiu juntar várias linguagens em cima da poesia. A escola entende que cultura e educação caminham juntas e que o aprendizado se dá em vários espaços, não só na sala de aula.

A diretora Mariza Caria Ribeiro, revelou que ficou orgulhosa com seus alunos.


- A escola pública é rica em talentos e criatividade. Foi um dia de altíssimo astral

Suellen Monteiro, Tayná dos Santos Ferreira e Jonathan gostaram de conhecer o trabalho dos colegas e aplaudiram muito.

Também prestigiaram o evento o coordenador dos Núcleos de Cultura pela Seeduc, Ubirajara Santos, e a coordenadoria da Metropolitana II, Maria Helena Santos Vieira. Na organização do evento, o trabalho dos diretores Maria de Fatima Amaral, Sumaya Keissy, Elmo Machado, da professora Maria Aparecida e do animador cultural e apresentador Fábio Poly, que também dirige o Grupo de Teatro Clélia Nanci.


FONTE: http://www.educacao.rj.gov.br/index5.aspx?tipo=categ&idcategoria=643&idItem=4319&idsecao=13

2 comentários:

Leleco disse...

Alice, que legal esse evento. Parabéns...
Ah parabéns pela reportagem também!
Beijos!

Luísa disse...

Nossaa hein...dps me da um autografo?? ADOROO ter amigos famosos!!


brincadeiras a parte..vc é meu orgulho! rsrs


beijoss